07 março 2011

O Ártico libera metano na atmosfera

Tudo isso consequencia do aquecimento global.

O ártico libera uma grande quantidade de metano na atmosfera e esse gás é um dos maiores responsáveis pelo efeito estufa causador do aquecimento global. Essa liberação é um processo natural e não teria um efeito negativo ao meio ambiente se não fosse agravado pelo proprio problema do aquecimento global. O aquecimento global está causando o derretimento das geleiras no polo norte e assim o aumento dramatico da liberação de gas metano no ambiente.



A região do Ártico é uma das muitas pequenas fontes naturais de metano um dos gases causadores do efeito estufa. O aquecimento global pode acelerar o lançamento desse gás na atmosfera, devido tamto ao aumento da liberação do metano já existente quanto a partir da metanogênese pela decomposição da biomassa que existe na região congelada.

Grandes quantidades de metano estão armazenadas no Ártico em depósitos de gás natural. O aquecimento, que pode surgir como resultado do aquecimento global, libera grandes quantidades de metano destas fontes.
As concentrações na atmosfera do Ártico são de  8 a 10% maiores do que na atmosfera da Antártida. Durante as épocas de frio glacial, essa diferença diminui para valores praticamente insignificantes.

Os ecossistemas terrestres são considerados as principais fontes dessa assimetria, embora os cientistas acreditem que "o papel do Oceano Ártico está sendo subestimado". 

A liberação de metano do Ártico é em si um colaborador para o aquecimento global e tras como resultado de encolhimento do Ártico. Observações recentes mostraram que o Ártico siberiano aumentou as taxas de liberação de metano do fundo do mar. Em terra, também no Ártico siberiano, foi observada recentemente a liberação de grandes quantidades de metano, estimado em mais de 4 milhões de toneladas, significativamente acima das estimativas anteriores.

A liberação atual de metano é estimada em 0,5 Mt por ano. Estima se que atualmente pelo menos 1.400 Gt de carbono  esteja presa como metano e hidratos de metano sob a região submarina do Ártico e 5 a 10% dessa área está sujeita a degelamento e consequente liberação desse gás na atmosfera. Os cientistas preveem que a liberação de "até 50 Gt desse montante possa ocorrer de forma abrupta a qualquer momento. Isso aumentaria o conteúdo de metano na atmosfera do planeta por um fator de doze anos.

 As condições de frio, sustenta e serve para estabilizar os depósitos de metano  perto da costa terrestre, impedindo a desgaseificação do metano para a atmosfera, causando o aquecimento adicional. O derretimento do gelo pode liberar grandes quantidades de metano, um poderoso gas de efeito estufa no atmosfera, provocando um maior aquecimento.

Segundo o monitoramento realizado em 2003/2004 pelo Shakhova et al. A camada superficial de água do Mar do Leste da Sibéria e do Mar-Laptev foi supersaturada até 2500% em relação a média atmosférica de teor de 1,85 ppm de metano.

Uma pesquisa de 2008, no Ártico siberiano mostrou derivados do metano sendo liberado através de perfurações no fundo do mar.

Os efeitos climáticos de uma possível libertação de metano dos oceanos pode ser significativo em escalas de 1/100 mil anos.

3 Comentários:

Anônimo disse...

A Humanidade esta indo pro .saco

Bianca Veloso disse...

O aquecimento global,a cada dia que passa se agrava mais,e as geleiras derretendo,muitas vidas de animais em risco. Minha dúvida é sobre a Usina do Japão,as vezes fico me perguntando; Se as geleiras estão descongelando mais e mais a cada dia que passa,a água ficará nas Usinas,e como o Japão é um país que ocorre muitas catástrofes,me pego a pensar,mais água nas Usinas,aquecimento global,furacões,terremos. Vai chegar um tempo que os abalos vão ser bem mais fortes e elas podem não suportar,gerando destruição,vazamento da contaminação em grande proporção na água e ar,e o mundo todo seria afetado. Não entendo muito sobre esses assuntos,mais é uma coisa que sempre me vem a cabeça.

Bianca Veloso disse...

O aquecimento global,a cada dia que passa se agrava mais,e as geleiras derretendo,muitas vidas de animais em risco. Minha dúvida é sobre a Usina do Japão,as vezes fico me perguntando; Se as geleiras estão descongelando mais e mais a cada dia que passa,a água ficará nas Usinas,e como o Japão é um país que ocorre muitas catástrofes,me pego a pensar,mais água nas Usinas,aquecimento global,furacões,terremos. Vai chegar um tempo que os abalos vão ser bem mais fortes e elas podem não suportar,gerando destruição,vazamento da contaminação em grande proporção na água e ar,e o mundo todo seria afetado. Não entendo muito sobre esses assuntos,mais é uma coisa que sempre me vem a cabeça.

Postar um comentário

Seja bem vindo ao Blog do Planeta.
Obrigado pela atenção dedicada.
Espero que tenham gostado do nosso conteúdo.
Fique a vontade para comentar.
Caso tenha problemas no comentário use o formulario logo abaixo.
Obrigado!
Cleisson

Referências e Tráfego
PageRank
Redes Sociais
Apoio

  © Planeta do Bem - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo