01 outubro 2010

Araguaia ou Rio das Araras Vermelhas

O Rio Araguaia é um importante rio brasileiro que corta do Centro oeste  ao norte do Brasil. O nome Araguaia, do Tupi, significa "Rio das Araras Vermelhas". Ele nasce no estado de Goiás, na Serra do Caiapó, próximo ao Parque Nacional das Emas. O Araguaia é o limite natural entre os estados do Mato Grosso, Goiás, Tocantins, Maranhão e Pará.


Possui uma extensão de 2.114 km e é considerado um dos mais piscosos do mundo. Nos últimos anos vem sofrendo com a pesca predatória que tem diminuido o número de peixes, outro fator para a diminuição dos peixes é a construção da Hidrelétrica de Tucuruí, pois a mesma não possui recursos necessários para a subida natural dos peixes no período de piracema.

Desde de 2007 observa-se uma grande quantidade de assoreamento e diminuição na quantidade de água no rio o que dificulta a navegação de barcos maiores em muitos trechos. Durante a seca nos meses de julho e agosto, formam-se em seu leito ilhas de areia que são utilizada como área de acampamento por turistas pelo menos 50 mil pessoas passam pelos acampamentos montados entre os municípios de Aragarças e Luís Alves, em Goiás num trecho de cerca de 600 km.

Nos últimos meses do ano de 2007, em Aragarças, as águas do Rio Araguaia baixaram tanto que foi possível atravessar o rio andando. Já em fevereiro de 2008 ocorreu enchentes que em Aruanã quase cobriram a sede da Associação dos Barqueiros. O que mostra a mudança no ciclo das águas, com atraso das chuvas e alta intencidade em outras epocas.

Com os trabalhos de educação ambiental realizados há várias décadas pela Agência Ambiental de Goiás, foi possível conseguir importantes avanços na preservação do Araguaia já que na década de 1970 o rio chegou a ser chamado de lixão. Hoje, há uma minoria que ainda acampa nas margens do rio e não se preocupa com o acondicionamento do lixo. Mas a maioria já possui conscientização ambiental, faz coleta do lixo inorgânico e leva para a cidade mais próxima, enterra nas margens o lixo orgânico e ao desmontar o acampamento não deixa lixo nas praias.

O pôr do sol visto das margens do Rio Araguaia é uma das imagens mais belas captadas pelos turistas e veículos de comunicação. Mas não é difícil também ver botos subindo rapidamente para respirar, gaivotas, mergulhões, jacarés e até cardumes de peixes subindo o rio durante a piracema.  Três espécies de peixas são proibidas de serem pescadas em qualquer época do ano: pirarucu, pirarara e filhote.

Juntamente com o Rio Javaés, o rio forma a maior ilha fluvial do mundo, a Ilha do Bananal, onde está o Parque Nacional do Araguaia. A combinação das bacias hidrográficas dos rios Araguaia e Tocantins abrange cerca de 9,5% do território nacional e faz parte da Bacia Amazônica. Seu principal afluente é o Rio das Mortes, que nasce na Serra de São Jeronimo Próximo a Cuiabá, no Mato Grosso e tem um comprimento de 850 km.

Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

Seja bem vindo ao Blog do Planeta.
Obrigado pela atenção dedicada.
Espero que tenham gostado do nosso conteúdo.
Fique a vontade para comentar.
Caso tenha problemas no comentário use o formulario logo abaixo.
Obrigado!
Cleisson

Referências e Tráfego
PageRank
Redes Sociais
Apoio

  © Planeta do Bem - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo