01 março 2011

Petróleo ou Enérgia renovável

O mundo sempre dependeu do petróleo, os paises vivem da exploração, exportação ou desenvolvimento de tecnologia para a busca, a utilização e o manejo do ouro negro. Mas o alerta para o esgotamento das reservas, finitas, do produto e dos problemas ambientais tal como o aquecimento global, provocado na sua maior parte por derivados do petróleo, faz com que se busque incansavelmente alguma fonte de energia que possa substituir este.

Hoje vemos muitas alternativas sendo testadas e algumas já utilizadas o que pode ser uma luz para o futuro. As fontes de energia renováveis, cuja utilização cresce a cada ano, serão a melhor opção para o desenvolvimento do mundo sem que para isso continuemos a perder cada vez mais a qualidade de vida do nosso planeta. Fontes de energia renováveis como a eólica, hidráulica e solar trouxeram grandes resultados e não atacam o meio ambiente pelo menos afetam numa proporção infinitamente menor que os derivados do petróleo.



O petróleo é um recurso natural abundante, porém sua pesquisa envolve elevados custos e complexidade de estudos. É também atualmente a principal fonte de energia, servindo também como base para fabricação dos mais variados produtos como óleo diesel, gasolina, plásticos e até mesmo medicamentos.

O petróleo ja foi causa de muitas guerras e é a principal fonte de renda de muitos países, sobretudo no Oriente Médio. Sendo a principal matéria-prima energética e industrial do planeta, ele é uma riqueza distribuída de forma desigual entre os países e um recurso não-renovável, o petróleo se tornou provavelmente a mais importante substância negociada entre os países e corporações, e tem sido, a partir do século XX, um fator político importante e causador de crises entre governos, levando explícita ou, na maior parte dos casos, implicitamente a guerras, massacres e extermínios.

Quando o petróleo é queimado libera dióxido de carbono, um dos gases de efeito estufa. Junto com a queima de carvão, a combustão de petróleo é o maior responsável para o aumento da concentração de CO2 na atmosfera. A extração de petróleo é onerosa e por vezes prejudiciais para o ambiente. Além de que o derramamento do petróleo bruto e dos combustíveis refinados prejudicaram os ecossistemas naturais principalmente os marinhos.

A energia renovável é a energia que vem de recursos naturais como sol, vento, chuva, marés e calor, que são renováveis. Em 2008, cerca de 19% do consumo mundial de energia final veio de fontes renováveis, com 13% provenientes da tradicional biomassa, que é usada principalmente para aquecimento e 3,2% a partir da hidroeletricidade.

A energia do sol, por exemplo, é convertida de várias formas para formatos conhecidos, como a biomassa (fotossíntese), a energia hidráulica (evaporação), a eólica (ventos) e a fotovoltaica, que contêm imensa quantidade de energia e que são capazes de se regenerar por meios naturais.

A geração de energia eólica está crescendo à taxa de 30% ao ano, com uma capacidade instalada a nível mundial de 157,9 mil megawatts em 2009 e é amplamente utilizada na Europa, Ásia e nos Estados Unidos.

Porém nem sempre uma forma de energia renovável possui baixo impacto ambiental. As grandes hidroelétricas acarretam em enorme impacto ambiental e social, como é o caso, por exemplo, da Barragem das Três Gargantas, que foi recentemente finalizada na China e que provocou o deslocamento de milhões de pessoas e a inundação de muitos quilômetros quadrados de terras.

Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

Seja bem vindo ao Blog do Planeta.
Obrigado pela atenção dedicada.
Espero que tenham gostado do nosso conteúdo.
Fique a vontade para comentar.
Caso tenha problemas no comentário use o formulario logo abaixo.
Obrigado!
Cleisson

Referências e Tráfego
PageRank
Redes Sociais
Apoio

  © Planeta do Bem - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo