05 março 2009

A importância da água, sua quantidade: Balanço Hídrico Mundial

Um dos recursos mais importantes da Terra é a água. Ela ocorre em três estados da matéria: sólido, liquido e gasoso.


A água tem uma função crítica em quase todas as esferas da vida. Sua importância pode ser ilustrada por meio de alguns exemplos:

A água é um elemento construtivo na fotossíntese das plantas e é um constituinte dos organismos.

A água é um solvente para os nutrientes do solo.

A água é de necessidade vital: o ar seco extrai de 1 a 2 kg de água diariamente do corpo humano.

A água é um condutor de energia.

A água é um meio de transporte: águas residuárias, canais de drenagem, navegação.

A água é o mais importante regularizador de energia no balanço energético da Terra, sem a evaporação, a vida na Terra na sua forma atual seria impossível.

Nas zonas úmidas da Terra há um superávit de água, sendo que seu valor foi subestimado por muito tempo.


As zonas áridas da Terra, onde há sempre escassez de água, esta é considerada por seus habitantes como uma preciosidade.

A tabela abaixo apresenta uma estimativa feita por N. Meinardus e H. Hoinkes da quantidade de água disponível no planeta Terra.
O volume total da água como uma fração do volume da Terra (1,082 x 10 12 km3) é de cerca de 1: 777,2 ou 0,00129.

Volumes de água na Terra

Fonte.......................................Volume (km3)...................Volume (%)
Oceanos...................................1.348.000.000...................92,39%
Geleiras, icebergs....................227.000.000......................2,01%
Água subterrânea,

umidade do solo......................8.062.000..........................0,58%
Lagos e rios..................................225.000..........................0,02%
Atmosfera....................................13.000............................0,001%
Soma.......................................1.384.120.000....................100,00%
Água potável..............................36.020.000.........................4,50%


Uma parte da reserva de água está em circulação contínua e compõe uma transferência, pois evapora das superfícies líquidas e do solo e após a condensação na atmosfera é depositada novamente nas superfícies como precipitação chuva, neve ou granizo.


O vapor de água em circulação na atmosfera formaria com sua completa condensação e precipitação uma camada de água de somente 2 a 3 cm de profundidade na superfície da Terra.

Comparando-se com a média de precipitação anual na Terra (97cm), deduz-se que a vida média de uma molécula de água na atmosfera é de cerca de 10 dias.

Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

Seja bem vindo ao Blog do Planeta.
Obrigado pela atenção dedicada.
Espero que tenham gostado do nosso conteúdo.
Fique a vontade para comentar.
Caso tenha problemas no comentário use o formulario logo abaixo.
Obrigado!
Cleisson

Referências e Tráfego
PageRank
Redes Sociais
Apoio

  © Planeta do Bem - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo