27 janeiro 2010

O mosquito da DENGUE, Aedes aegypti


O mosquito Aedes aegypti é o transmissor da dengue, da febre amarela e outras doenças. Ele pode ser reconhecido por manchas brancas nas patas e uma marcação sob a forma de uma lira no torax. O mosquito tem origem na África mas agora é encontrado em todos os países tropicais do mundo.

O Aedes aegypti é um mosquito que se encontra ativo e pica durante o dia ao contrário do conhecido pernilongo Anopheles que tem atividade crepuscular. Como em quase todos os outros mosquitos, somente as fêmeas se alimentam de sangue para a maturação de seus ovos, os machos se alimentam apenas substâncias vegetais e açucaradas.

Os locais preferenciais para reprodução do mosquito são depositos de água parada tais como caixas d'água abertas ou com buracos e piscinas não tratadas. Os ovos do Aedes aegypti podem permanecer viáveis por mais de um ano em estado seco, o que permite que o mosquito possa ressurgir depois de um inverno frio e seco. Uma vez imersos, os ovos desenvolvem-se rapidamente em larvas, que dão origem às pupas, das quais surge o adulto.

O mosquito está bem adaptado as zonas urbanas, mais precisamente ao domicilio humano onde consegue reproduzir-se e pôr os seus ovos em pequenas quantidades de água limpa.

Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

Seja bem vindo ao Blog do Planeta.
Obrigado pela atenção dedicada.
Espero que tenham gostado do nosso conteúdo.
Fique a vontade para comentar.
Caso tenha problemas no comentário use o formulario logo abaixo.
Obrigado!
Cleisson

Referências e Tráfego
PageRank
Redes Sociais
Apoio

  © Planeta do Bem - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo