22 maio 2009

Os animais mais venenosos do mundo

Vespa-do-mar é da ordem das cubomedusas. Seus tentáculos, devido à presença de nematocistos, podem causar ferimentos letais em banhistas. Elas costumam viver nas costas Australianas, o veneno delas é tão poderoso que pode matar uma pessoa em 2 minutos, o que torna o resgate muito difícil, na verdade ela carrega veneno suficiente para aniquilar aproximadamente 60 homens. Espécie de medus cúbica seu veneno é 500 vezes mais potente que a caravela Portuguesa. Seus tentáculos medem até 3 metros, e seu corpo é do tamanho de uma bola de basquete. Seu veneno é liberado ao mínimo contato com a pele.

Inland taipan Oxyuranus microlepidotus é considerada a cobra mais venenosa do mundo. Possui um veneno neurotóxico potente e complexo, inoculado através de duas presas fixas que tem na parte posterior da boca, capaz de matar um ser humano em menos de 45 minutos. Estima-se que o veneno disponível em suas presas seria capaz de matar 100 homens ou 250.000 ratos. A espécie taipan comum, por sua vez, é considerada a terceira cobra mais venenosa do mundo. Ela é grande, possui de 2,5 a 3 metros de comprimento.

A Mamba-negra Dendroaspis polylepis é a segunda serpente mais venenosa do mundo, atrás apenas da inland taipan Oxyuranus microlepidotus. Seu tamanho varia de 2,5 m a 4,5 m, sendo a segunda maior cobra venenosa do mundo, a seguir à cobra-real Ophiophagus hannah. É a cobra mais rápida do mundo, capaz de se deslocar a 50km/h. Ao contrário das outras espécies do mesmo género, vive a maior parte do tempo no solo, mas pode escalar árvores com facilidade. Tem um bote muito rápido e seu veneno causa paralisia, podendo levar a vítima à morte se não for tratada rapidamente. Se a picada for na região do pé ou na canela pode levar de 2 a 4 horas para a vítima vir a morte, ser for picada na região do torax ou rosto as vitimas morrem em menos de 20 minutos.

O polvo-de-anéis-azuis Hapalochlaena maculosa é uma espécie de polvo conhecida pelos visíveis anéis azuis no seu corpo e pelo veneno muito poderoso que possui. O polvo de anéis azuis vive nas costas da Austrália e é muito pequeno, possuindo apenas 12 cm. O seu veneno é um grande coquetel de compostos tóxicos conhecidos como tetradotoxina, é capaz de matar as vítimas com grande facilidade, sendo que uma dose é capaz de matar 20 homens. Poucas vezes se pensaria num polvo como um animal venenoso e contudo esta espécie que habita na Grande Barreira de Coral Australiana, é um dos animais mais venenosos do planeta.

Conus é um género de gastrópodes, distribuídos por quase todo o indo-Pacífico. Possuem um veneno composto de um grande coquetel de toxinas presentes em seu epitélio-glandular, o qual inocula em um "arpão" contido em uma probóscide. Tímidos, passam o dia todo escondidos em alguma toca ou coral e saem para caçar à noite, usando seu olfato aguçado para localizar presas. Utilizam o arpão venenoso para matar suas presas, os peixes. São freqüentes os relatos de morte de humanos, em razão de acidentes comconus.

Viúva-negra Latrodectus mactans é uma espécie de aranha teridiídea, distribuída por toda a América, de coloração negra, com larga mancha vermelha no abdome, e cerca de 1 cm de comprimento. O nome provém do fato de a fêmea geralmente se alimentar do macho após a cópula. Sua picada é muitas vezes fatal. Por saber-se que seu veneno é muito forte, há a alusão de que esta é a aranha mais venenosa que existe. Mas a aranha mais venenosa do mundo é a Armadeira, encontrada nas regiões amazônica, sudeste e norte. Os sintomas da picada costumam aparecer entre 40 e 60 minutos após o ataque e se caracterizam por sudorese, dor local intensa, dor no abdômen e em casos grave.

Armadeira, também conhecida como aranha macaco ou aranha de bananeira, é a designação comum às aranhas do gênero Phoneutria (do grego phoneútria: assassina). O nome comum armadeira vem da sua atitude invariável de ataque, com as patas dianteiras erguidas. Originárias da região sul-americana, com um corpo de 3,5 cm a 5 cm e pernas de até 17 cm de envergadura (fêmea). São altamente agressivas e peçonhentas, pois produzem um veneno cujo componente neurotóxico é tão potente que apenas 0,006 mg é suficiente para matar um rato. São responsáveis por aproximadamente 42% dos casos de picada por aracnídeos notificados no Brasil. É considerada a aranha mais venenosa do mundo, segundo o Guiness Book, devido a potência do seu veneno de ação neurotóxico.

Escorpião, atualmente já estão catalogadas cerca de 1600 espécies e subespécies distribuídas em 116 gêneros diferentes em todo o mundo. No Brasil existem cerca de 140 espécies. O ferrão do escorpião chamado de telson, além de servir para agarrar a presa, se defender, e no acasalamento, inocula na presa um veneno. Este veneno contém uma série de substâncias cuja composição química não está bem definida. Todos os escorpiões são venenosos, porém apenas 25 espécies podem ser mortais aos humanos. Sua ferroada assemelha-se em grau de toxicidade da ferroada de uma abelha. O veneno de escorpiões do tipo Tityus serrulatus, parece ser o veneno mais tóxico de todos os escorpiões da América do Sul, age sobre o sistema nervoso periférico dos humanos, causando dor, pontadas, aumentando a pulsação cardíaca e diminuindo a temperatura corporal.

Segestriidae, também chamadas de Aranha Teia De Funil. A aranha teia-de-funil de Sydney é um aracnídeo nativo do continente australiano é portador de um veneno extremamente tóxico para os humanos. Curiosamente, cães não são afetados por sua picada. O veneno da femea é 6 vezes mais letal para os humanos que o veneno do macho da mesma espécie. Se você for picado a dor é insuportavel pois seu ferroes medem aproximadamente 1,5 cm ela prende as mandibulas na pessoa e nao solta.

Phyllobates terribilis é uma espécie de anfíbio. Em relação ao peso e ao tamanho, este é o animal consagrado como sendo o mais venenoso do planeta, com veneno suficiente para matar várias pessoas. Mais de 100 toxinas foram identificadas nesta rã. O veneno em destaque é a homobatracotoxina, um composto químico mortal cujo único sintoma é a falência múltipla dos órgãos.

1 Comentário:

Anônimo disse...

O bloge é excelente,gostei bastante de todas as informações sobre coisas que não sabia Ass:Louise maria castellacci souré.

Postar um comentário

Seja bem vindo ao Blog do Planeta.
Obrigado pela atenção dedicada.
Espero que tenham gostado do nosso conteúdo.
Fique a vontade para comentar.
Caso tenha problemas no comentário use o formulario logo abaixo.
Obrigado!
Cleisson

Referências e Tráfego
PageRank
Redes Sociais
Apoio

  © Planeta do Bem - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo