03 agosto 2009

Componentes químicos do cigarro

Nicotina é uma droga psicoativa responsável pela maior parte dos efeitos do tabaco sobre o organismo e gera dependência física. A duração média da nicotina no sangue é inferior a 2 horas, e se a sua concentração for reduzida aparecem os sintomas que alertam o fumador para a necessidade de um novo cigarro.

O fumo do cigarro contém muitas substâncias irritantes como a acroleína, fenóis, peróxido de nitrogénio, ácido cianídrico, amoníaco, etc., que provocam a alteração dos mecanismos de defesa do pulmão e a contração bronquial pela estimulação das glândulas secretoras da mucosa. Todas as substâncias tóxicas que contribuem para as neoplasias associadas ao consumo do tabaco, sendo a mais estudada o alfabenzopireno.

Monóxido de Carbono é um gás incolor de elevada toxicidade presente em grande concentração no fumo do tabaco. Este gás tem uma grande facilidade em se associar a hemoglobina, diminuindo a capacidade de transporte de oxigénio.

Outros compostos químicos presentes no cigarro
Acetaldeído - Produto metabólico primário do etanol no processo de transformação em ácido acético. É um dos agentes responsáveis pela ressaca.
Acetona - Solvente inflamável.
Ácido cianídrico - Cianeto altamente venenoso que bloqueia a recepção do oxigénio pelo sangue. Acroleína - Componente que provoca o mau hálito na boca.
Alcatrão - Substancia tóxica e cancerígena que ajuda ao desenvolvimento de vício. Ele obstrui as vias respiratórias.
Amoníaco - Químico perigoso utilizado em produtos de limpeza.
Arsénico - Componente altamente nocivo - veneno puro.
Benzopireno - Substância cancerígena que ajuda no processo de combustão - faz com que o cigarro não se apague.
Butano - Gás incolor, inodoro mas altamente inflamável.
DDT - Agrotóxico.
Dietilnitrosamina - Causador de lesões hepáticas.
Fenol - Ácido carbólico que corroi e irrita as nossas membranas mucosas. Caso fosse ingerido ou inalado seria mortal! Além de ser corrosivo afeta também o nosso sistema nervoso central. Formol - Formaldeído.
Mercúrio - Metais pesados - Chumbo e cádmio. Um único cigarro contém 1 a 2 mg, como a média de vida destas substancias é de 10 a 30 anos, reduz a capacidade dos pulmões. Entre outros problemas também causa: dispnéia, fibrose pulmonar, enfisema, hipertensão, câncer nos pulmões, próstata, rins e estômago.
Metanol - Álcool metílico usado como combustível de foguetes e automóveis.
Monóxido de carbono - Gás inflamável e extremamente radioativo.
Naftalina - Substância cristalina branca, volátil, com odor característico antitraça.
Nicotina - É um alcalóide que também é usado como insecticida. Apesar de cheirar mal constitui o princípio ativo do tabaco, sendo a substancia que provoca o vício e o cancro nos pulmões.
Níquel - Armazenam-se no fígado e rins, coração, pulmões, ossos e dentes - resultando em gangrena dos pés, causando danos ao miocárdio etc..
Pireno - Hidrocarboneto Cancerígeno - Utilizado como aromatizante.
Polônio - Extremamente radioativo.

Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

Seja bem vindo ao Blog do Planeta.
Obrigado pela atenção dedicada.
Espero que tenham gostado do nosso conteúdo.
Fique a vontade para comentar.
Caso tenha problemas no comentário use o formulario logo abaixo.
Obrigado!
Cleisson

Referências e Tráfego
PageRank
Redes Sociais
Apoio

  © Planeta do Bem - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo