23 fevereiro 2010

A minuscula coruja dos Andes


A Xenoglaux loweryi Xenoglaux loweryi é uma minúscula coruja que é endêmica de uma pequena área Andina nas montanhas do Amazonas e San Martín no norte do Peru. É restrito a florestas com vegetação densa com cerca de 1890 a 2200 metros acima do nível do mar.

Xenoglaux loweryi é marrom com a barriga esbranquiçada. Os olhos são grandes e da cor laranja-marrom. O nome do seu monotípico género Xenoglaux significa coruja estranha e entre outras se refere as longas penas faciais. Com um comprimento total de 13 a 14cm está entre as menores corujas no mundo.

Muito pouco se sabe sobre esta espécie, ela foi capturada em redes em três ocasiões distintas. Até o início de 2007, nunca tinha sido observada em circunstâncias "normais". Elas provavelmente se alimentam de insetos.

Devido à sua raridade e seu habitat restrito com desmatamento em curso, é atualmente considerado em perigo de extinção. Estima-se que a população total está entre 250 e 1000 indivíduos.

A recém-criada Área de Conservação Privada na região protege um local importante para a coruja e outras espécies restritas dessa região.

1 Comentário:

Suziley disse...

Oi, Cleisson:
Que interessante, não conhecia esta espécie de coruja dos andes. Muito legal. A coruja é o símbolo da filosofia. Será que é porque ela enxerga no escuro? Afinal, a filosofia nos faz enxergar ao longe...hehe..Boa noite, ;)
Um abraço,
Suziley.

Postar um comentário

Seja bem vindo ao Blog do Planeta.
Obrigado pela atenção dedicada.
Espero que tenham gostado do nosso conteúdo.
Fique a vontade para comentar.
Caso tenha problemas no comentário use o formulario logo abaixo.
Obrigado!
Cleisson

Referências e Tráfego
PageRank
Redes Sociais
Apoio

  © Planeta do Bem - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo