26 março 2009

O custo de um carro para a sociedade

O preço maior e pago com dinheiro ou com a saúde da população?
Os custos de utilização do automóvel podem incluir o custo de: aquisição do veículo, reparação, manutenção, combustível, depreciação, estacionamento, taxas, pneus, impostos e seguros.

Os benefícios podem incluir transporte, a mobilidade, independência e conveniência.

Do mesmo modo, nos custos da utilização do automóvel para a sociedade podem incluir os de: manutenção das estradas, a utilização dos solos, poluição, saúde pública, cuidados de saúde, e da eliminação do veículo no final da sua vida.

Os benefícios sociais podem incluir: beneficios para a economia tais como o emprego e a criação de riqueza atraves da produção de automóveis e de manutenção, o transporte disponivel para sociedade no lazer e viagens e geração de receita dos impostos. A capacidade para o ser humano se deslocar de forma flexível de um lugar para outro tem amplas implicações para a natureza das sociedades.

Durante grande parte da história do automóvel não foram considerados os vários efeitos ambientais causados por eles como o aquecimento global. Automóveis são uma grande fonte de poluição do ar e poluição sonora. A fabricação e uso de automóveis contribuem com cerca de 20 a 25 por cento das emissões de dióxido de carbono que estão amplamente ligados as mudanças climáticas global. Existem mais de 600 milhões de automóveis e veículos ligeiros em todo o mundo. Nos Estados Unidos, cada carro comum emite cerca de 3,4 gramas de monóxido de carbono por milha.

O automóvel contribui significativamente para a poluição sonora no mundo, em resposta a estes impactos surgiu uma tecnologia de controle de todo o ruído com barreiras de design e outras atenuações.

Com o aumento das estradas veio efeitos negativos sobre o habitat para a fauna, principalmente através da fragmentação dos habitats e alteração da enxurrada superficial. Novas estradas construídas através de habitats sensíveis podem causar a perda ou a degradação dos ecossistemas, e os materiais necessários para as estradas vêm em grandes escalas de pedreiras e extração de cascalho, o que por vezes ocorre em zonas ecologicamente sensíveis. A construção de estradas também altera a tabela da água, aumenta a enxurrada superficial, e aumenta o risco de inundação.

1 Comentário:

Natural Naturalmente disse...

Ola Cleisson, aqui na Europa ja existe o apoio das proprias gasolineiras em ter o carro com mais de um passageiro.
Adorei o seu cantinho.

Visite o blog, www.leitedaterra@blogspot.com
um forte abraco
Marcia

Postar um comentário

Seja bem vindo ao Blog do Planeta.
Obrigado pela atenção dedicada.
Espero que tenham gostado do nosso conteúdo.
Fique a vontade para comentar.
Caso tenha problemas no comentário use o formulario logo abaixo.
Obrigado!
Cleisson

Referências e Tráfego
PageRank
Redes Sociais
Apoio

  © Planeta do Bem - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo